Versículos bíblicos sobre a culpa

Tu bem sabes como fui insensato, ó Deus, a minha culpa não te é encoberta. (Salmos 69.5)

A culpa se refere a responsabilidade pessoal de alguém, que tenha provocado algum dano a uma outra pessoa.

Temos, também, o sentimento de culpa, que ocorre quando alguém se sente responsável por algo ruim que tenha acontecido.

A Palavra de Deus diz que todos pecaram, não há um justo sequer.

Porém, Deus em sua infinita misericórdia, enviou Seu filho, que morreu por nós, e levou consigo toda a culpa pelos nossos pecados.

Nos dando a possibilidade de reatarmos a comunhão, que tínhamos perdido, com Ele.

Tenham o cuidado de não praticar suas obras de justiça diante dos outros para serem vistos por eles. Se fizerem isso, vocês não terão nenhuma recompensa do Pai celestial. Portanto, quando você der esmola, não anuncie isso com trombetas, como fazem os hipócritas nas sinagogas e nas ruas, a fim de serem honrados pelos outros. Eu lhes garanto que eles já receberam sua plena recompensa. (Mateus: 6.1-2)

E não só isso, mas nós mesmos, que temos os primeiros frutos do Espírito, gememos interiormente, esperando ansiosamente nossa adoção como filhos, a redenção do nosso corpo. (Romanos: 8.23)

A tristeza segundo Deus produz um arrependimento que leva à salvação e não ao remorso, mas a tristeza segundo o mundo produz morte. Vejam o que esta tristeza segundo Deus produziu em vocês: que dedicação, que desculpas, que indignação, que temor, que saudade, que preocupação, que desejo de ver a justiça feita! Em tudo vocês se mostraram inocentes a esse respeito. (2 Coríntios 7.9-10)

Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para perdoar os nossos pecados e nos purificar de toda injustiça. (1 Jo: 1.9)

Ponha a sua esperança no Senhor, ó Israel, pois no Senhor há amor leal e plena redenção. Ele próprio redimirá Israel de todas as suas culpas. (Salmos: 130.7-8)

Contudo, foi da vontade do Senhor esmagá-lo e fazê-lo sofrer e, embora o Senhor faça da vida dele uma oferta pela culpa, ele verá sua prole e prolongará seus dias e a vontade do Senhor prosperará em sua mão. Depois do sofrimento de sua alma, ele verá a luz e ficará satisfeito, pelo seu conhecimento meu servo justo justificará a muitos e levará a iniquidade deles. (Isaías: 53.10-11)

Mas ele foi transpassado por causa das nossas transgressões, foi esmagado por causa de nossas iniquidades, o castigo que nos trouxe paz estava sobre ele e pelas suas feridas fomos curados. Todos nós, tal qual ovelhas, nos desviamos, cada um de nós se voltou para o seu próprio caminho; e o Senhor fez cair sobre ele a iniquidade de todos nós. (Isaías 53.5-6)

Se alguém pecar, fazendo o que é proibido em qualquer dos mandamentos do Senhor, ainda que não o saiba, será culpado e sofrerá as consequências da sua iniquidade. Do rebanho ele trará ao sacerdote um carneiro, sem defeito e devidamente avaliado, como oferta pela culpa. Assim o sacerdote fará propiciação em favor dele pelo erro que cometeu sem intenção e ele será perdoado. É oferta pela culpa, pois com certeza tornou-se culpado perante o Senhor. (Levítico: 5.17-19)

Orei ao Senhor, ao meu Deus, e confessei: “Ó Senhor, Deus grande e temível, que mantém a sua aliança de amor com todos aqueles que o amam e obedecem aos seus mandamentos, nós temos pecado e somos culpados. Temos sido ímpios e rebeldes e nos afastamos dos teus mandamentos e das tuas leis”. (Daniel: 9.4-5)

As minhas culpas me afogam, são como um fardo pesado e insuportável. (Salmos: 38.4)

Pois serei como um leão para Efraim, e como um leão grande para Judá. Eu os despedaçarei e irei embora, eu os levarei sem que ninguém possa livrá-los. Então voltarei ao meu lugar até que eles admitam sua culpa. E eles buscarão a minha face, em sua necessidade eles me buscarão ansiosamente. (Oséias 5.14-15)

Aquele que pecar é que morrerá. O filho não levará a culpa do pai, nem o pai levará a culpa do filho. A justiça do justo lhe será creditada e a impiedade do ímpio lhe será cobrada. (Ezequiel: 18.20)

O assassino atormentado pela culpa será fugitivo até a morte, que ninguém o proteja! (Provérbios: 28.17)

Foste favorável à tua terra, ó Senhor, trouxeste restauração a Jacó. Perdoaste a culpa do teu povo e cobriste todos os seus pecados.
(Salmos: 85.1-2)

Livra-me da culpa dos crimes de sangue, ó Deus, Deus da minha salvação! E a minha língua aclamará à tua justiça. Senhor dá palavras aos meus lábios e a minha boca anunciará o teu louvor. Não te deleitas em sacrifícios, nem te agradas em holocaustos, senão eu os traria. Os sacrifícios que agradam a Deus são um espírito quebrantado, um coração quebrantado e contrito, ó Deus, não desprezarás. (Salmos: 51.14-17)

Contra ti, só contra ti, pequei e fiz o que tu reprovas, de modo que justa é a tua sentença e tens razão em condenar-me. Sei que sou pecador desde que nasci, sim, desde que me concebeu minha mãe. Sei que desejas a verdade no íntimo e no coração me ensinas a sabedoria. Purifica-me com hissopo, e ficarei puro, lava-me e mais branco do que a neve serei. (Salmos: 51.4-7)

.: AGREGUE CONHECIMENTO E COMENTE ABAIXO .: